Acontece todas segundas-feiras às 15h na Igreja Matriz o Terço da Divina Misericórdia. Angelita Avrechaki que iniciou as atividades do terço em 27 de fevereiro de 2012, explicou como surgiu essa devoção. “Tudo começou quando o Ricardo Santana que veio para Palmeira fazer o Cerco de Jericó sorteou  um quadro da Divina Misericórdia e quem ganhou esse sorteio foi meu filho Lucas, que na época tinha 8 meses, hoje ele está com 15 anos.  E desde então começamos a devoção à Divina Misericórdia, indo para o Santuário em Curitiba e em 2012 resolvemos começar o terço na Igreja Matriz toda segunda-feira, 15h”.

Sobre esse momento de oração, Angelita falou sobre as intenções do terço. “Nós rezamos o terço, depois tem os louvores da Misericórdia e sempre nos lembramos dos enfermos e principalmente os que cuidam dos enfermos, porque o que cuida também precisa de oração. Também é rezado pelos jovens, sacerdotes, é o que a Divina Misericórdia pede pelos sacerdotes e pela humanidade”.

O terço é rezado nesse horário porque 15h é a hora da misericórdia. Jesus disse à Irmã Faustina:

“Às três horas da tarde implora à Minha Misericórdia, especialmente pelos pecadores, e, ao menos por um breve tempo, reflete sobre a Minha Paixão, especialmente sobre o abandono em que Me encontrei no momento da agonia. Esta é a hora de grande Misericórdia para o mundo inteiro.”

“Nessa hora nada negarei à alma que Me pedir em nome da Minha Paixão.”

Todos são convidados a participar deste momento. Todas as segundas-feiras às 15 horas na Igreja Matriz.