E a peregrinação dos ciclistas palmeirenses completa seu destino. Marivaldo Assunção Coelho e Paulo José Chemin (Tutão)  chegaram nesta quinta (13)  por volta das 17h30 em Aparecida.

A peregrinação que iniciou no dia 28 de agostototalizou aproximadamente 1.300 Km de Palmeira a São Carlos (São Paulo)  e depois iniciando o Caminho da Fé.  Foram 17 dias de viagem e 168 horas de pedal até a “Casa da Mãe”.

Ao falar sobre a viagem, Marivaldo relatou a emoção dos últimos quilômetros ao avistar a torre da Basílica. “Foi um percurso muito sofrido, muitas subidas e estava muito calor, mas graças à Deus e Nossa Senhora Aparecida deu tudo certo. Nos dez últimos quilômetros não sentimos mais nenhuma canseira e quando avistamos a torre da Igreja foi uma força muito incrível”, contou o peregrino.

Tutão agradeceu a população palmeirense que acompanhou mesmo de longe a peregrinação, e fez questão de registrar gratidão também pelas pessoas que conheceram nessa jornada de fé. “Mostramos como é o povo do Paraná, o povo de Palmeira, pessoas simples. Onde passávamos, as pessoas nos paravam e conversavam conosco. Tanto é que na região ficamos conhecidos como “os bicho loucos do Paraná”, relatou o ciclista.

Sobre o percurso, Tutão explicou que o total da quilometragem fechou por volta de 1280 KM. “Tem muito entra e saí nas cidades, desde Palmeira até São Carlos e em cada outra cidade que passamos pelo Caminho da Fé, então ele vai contado no geral. De subidas foi mais de 1.700 metros pela Serra da Mantiqueira, pelo Caminho da Fé”. Informou o palmeirense.

Hoje pela manhã, a dupla participou de Santa Missa na Basílica de Aparecida e entregou as intenções de palmeirenses e pessoas que conheceram durante o trajeto. Muitas das intenções inclusive foram deixadas na rádio Ipiranga para que os cliclistas levassem até a “Casa da Mãe”.

Os ciclistas informaram que, saída de Aparecida, que foi a terceira peregrinação da dupla palmeirense, acontece hoje, às 17h de ônibus.

Foto:Arquivo Pessoal