Comunidade do Lago celebra padroeira neste domingo (22)

Comunidade do Lago celebra padroeira neste domingo (22)

Publicado em: 18 nov, 2020 às 14:27

A comunidade do Lago se prepara para celebrar a Padroeira Nossa Senhora da Apresentação neste domingo (22).
Devido à pandemia da Covid-19, a programação inclui a Missa que será celebrada às 10h. A partir das 11h será serviço o almoço no sistema drive thru para que as pessoas confraternizem em suas residências.
As opções de carne são espeto de carneiro por R$ 60, cupim vendido a R$ 50 o quilo e a alcatra a R$ 45. Além disso, haverá porções de macarrão, farofa, risoto e maionese a R$ 5 cada. “A única coisa que pedimos é que o pessoal leve pelo menos uma forma para colocar a carne. As porções da cozinha vão estar todas embaladas no isopor, então não tem problema, mas a carne é mais complicada de ter uma embalagem boa de levar”, disse Letícia Gorte integrante da comunidade.
As encomendas podem ser feitas através do (42) 9 99966-6868, (42) 99900-7062 ou com membros da comunidade. A organização reforça que os pedidos precisam ser encomendados, não havendo, portanto vendas no local.

A comunidade
De acordo do Letícia, a comunidade do Lago completa neste ano 142 anos da chegada dos primeiros imigrantes na região, que foi em 1878. “Como comunidade católica estruturada, depois da Matriz nós somos a comunidade mais antiga”, lembrou ela.
Letícia também explica de onde vem a devoção a Nossa Senhora da Apresentação pelos paroquianos da comunidade do Lago. “Até onde eu sei, os russos-alemães que chegaram aqui, eram pessoas que nasceram na Alemanha, mas que passaram um período de aproximadamente 40 anos vivendo na Rússia antes de viveram para o Brasil. E neste período que eles viveram na Rússia eles tiveram uma influência muito grande dos católicos ortodoxos. E essa devoção a Nossa Senhora da Apresentação vem dos católicos ortodoxos. Aconteceu que quando eles chegaram aqui, eles chegaram nesta época de novembro e como era muito próximo a data de Nossa Senhora da Apresentação, eles trouxeram esta devoção  a ela e como era a data que eles chegaram aqui, juntaram as duas coisas”, explicou Letícia.
Com isso, a comunidade sempre celebra a data no 3° ou 4° domingo de novembro, dependendo qual será o dia mais próximo de 21 deste mês.

Texto: Bruna Camargo

Publicidade

Farmácia Santo Antonio