Em tempos de isolamento, meios de comunicação propiciam momentos de fé

Em tempos de isolamento, meios de comunicação propiciam momentos de fé

Publicado em: 13 abr, 2020 às 14:22

Criatividade, esforço e dedicação. Em 2020 a Paróquia Nossa Senhora da Conceição de Palmeira precisou se reinventar para que os fiéis pudessem vivenciar a Semana Santa.
Com as Igrejas fechadas devido a pandemia do novo coronavírus, a Páscoa, um dos pontos centrais da fé cristã foi celebrada de modo totalmente diferente e singular.
Ao invés da comunidade toda reunida, dos abraços da paz, das mãos dadas para oração do Pai Nosso, as pessoas se sentiram abraçadas e tocadas por Cristo em seus lares com seus familiares. Ganha destaque neste cenário, a Igreja Doméstica.
Com uma programação desenvolvida para as redes sociais e para ser transmitida também pela Rádio Ipiranga, a PASCOM de Palmeira possibilitou que milhares de famílias celebrassem esta Semana Santa. “Nós quisemos fazer algo diferente este ano para que as pessoas pudessem de casa sentir como se estivessem participando ali na Igreja”, explicou João Borges Júnior, coordenador da PASCOM.
Durante as transmissões das missas muitos fiéis comentaram suas intenções e assim, cada um em sua casa, mas todos unidos na oração. Pessoas passaram a enxergar mais as redes sociais como meio de evangelização, Facebook e Instagram ficaram repletos de imagens de famílias rezando juntas, dos ambientes preparados para celebrar a Semana Santa, das portas de casas com objetos que faziam alusão a Páscoa do Senhor.
Paroquianos sem muita intimidade com tecnologia, adoraram ao Santíssimo e rezaram a Via Sacra, por exemplo, através de uma tela e assim se emocionaram com a presença do Cristo, ao lembrar que Ele também estava em cada casa. Pessoas passaram a fazer ainda mais do rádio um fiel companheiro para vivenciar com amor este momento. “É emocionante perceber que mesmo assim a igreja se manteve viva. Mesmo com as limitações nos reinventamos e o que fez realmente valer a pena foi a resposta que tivemos das pessoas, que elas realmente abraçaram a ideia, sentiram esta falta de não estar presente, então se utilizaram do meio que colocamos para que pudessem vivenciar esta Semana”, relatou João.
Para o coordenador da PASCOM esta Semana Santa evidenciou que não há distância e nem limites para a fé. “Desde que se agravou esta situação da covid-19 nossa preocupação era em como a Igreja ia estar presente nas famílias já que elas não poderiam ir até a Igreja. Gosto muito de pensar assim: Temos a limitação, a barreira da tela, mas quando trata de emoção, fé e sentimento, ultrapassamos esta barreira”, disse ele.

Fotos: Elder Scolimoski e João Borges Júnior

Publicidade

Farmácia Santo Antonio