O prefeito Edir Havrechaki esteve na segunda-feira (5)  em audiência com o governador Beto Richa;representante da Companhia Aeroespacial Chinesa, Flora Wei;e com o presidente da FAAD Consultoria e Planejamento, Fernando Augusto Filho. A pauta da reunião foi a viabilidade de instalação de três usinas fotovoltaicas (gerada através dos raios solares)  no município de Palmeira. Conforme o protocolo de intenções assinado na ocasião, o investimento privado inicial da primeira usina será de US$ 8 milhões, com a geração de 200 empregos diretos e segundo o presidente da FAAD Consultoria pode chegar a US$ 330 milhões em um prazo de dois anos.

O Paraná será o primeiro do Brasil a abrigar o modelo de consórcio de empresas e Mini Geração Distribuída, onde cada pessoa pode produzir sua própria energia. As usinas aproveitarão a luz solar para converter em energia elétrica a ser comercializada com empresas interessadas, distribuída pela Copel.

O Grupo conta com empresários chineses e alemães intermediados pela FAAD Consultoria e Planejamento. A expectativa é de que com a instalação do parque energético o município de Palmeira passe a ser ponto de referência em tecnologia e energia limpa.