Presidente do STR explica o que produtores de fumo devem fazer em caso de queda de energia

Presidente do STR explica o que produtores de fumo devem fazer em caso de queda de energia

Publicado em: 13 fev, 2019 às 14:53

A Presidente do Sindicato de Trabalhadores Rurais de Palmeira, Roselaine Barausse, participou do Noticiário P7 da Rádio Ipiranga desta segunda-feira (11). Durante a entrevista foi abordada a reunião com a Copel sobre os prejuízos que as quedas de energia ocasionam na cultura do tabaco. “Já vínhamos fazendo essas conversas com a Copel para selarmos essa parceria em busca principalmente na questão das quedas de energia com produtores de tabaco, mas também no geral, em todo meio rural”, contou Roselaine.
A reunião que aconteceu na sexta-feira (08) teve a participação de sindicatos da região, entidades parceiras que defendem os agricultores, o Prefeito de Rebouças e representante da Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária de Palmeira.
Além de buscar o menor impacto possível das quedas de energia para os produtores de fumo, outro assunto fora a necessidade pontos novos da rede. A questão de desligamentos programados também foi tratada, com isso os representantes dos agricultores solicitaram que não sejam feitos reparos na rede no período de janeiro a março, para não prejudicar a cultura do tabaco.
Outra questão ressalta foi a agilidade nos reparos, para isso Roselaine comentou a a importância dos produtores atualizarem os cadastros junto a empresa fornecedora de energia elétrica. “Eles colocaram para nós que é importantíssimo que os cadastros na Copel estejam atualizados. Se você planta fumo, coloca no cadastro, produtor de tabaco. Porque quando cai a energia eles vão ao cadastro e vão priorizar o produtor de fumo, de leite e o pessoal das granjas”, contou Roselaine, ao lembrar também que o valor de ICMS é igual para todos os produtores, uma vez que não é preciso esta preocupação ao atualizar o cadastro, feito diretamente na COPEL com o bloco do produtor.
A necessária das pessoas relatarem a falta de energia foi um dos pontos citados na reunião. “A pessoa diz que o vizinho ligou, mas é você que tem que ligar, porque ao ligar no 0800 51 00 116 da Copel, eles já vão saber que você está sem energia . Aconteceu semana passada um caso que era fim de linha. O vizinho antes do final da linha ligou que estava sem energia e o da última linha não ligou.  Então a Copel arrumou até ali e o vizinho continuou sem porque era fim de linha”, lembrou a presidente do Sindicato.
A situação das perdas de fumo em decorrência das quedas foi comentada durante a entrevista. Segundo a presidente através do Sindicato de Trabalhadores Rurais, um técnico está a disposição para orientação dos laudos e demais mudanças neste âmbito.

Atividades do Sindicato de Trabalhadores Rurais

Algumas das ações programadas para o Sindicato também foram lembradas por Roselaine. As reuniões de comunidade acontecem no final de fevereiro e início de março. Nestes encontros serão abordados entre outros temas, o Cadastro de Atividades Econômicas Pessoa física (CAEPF) e Reforma da Previdência. Outra atividade lembrada foi o 7º Encontro do Dia Internacional da Mulher, que acontece em março.

Por Bruna Camargo

Foto: Elder Scolimoski

 

Publicidade

Farmácia Santo Antonio